Canaã

Informações

Área: 0,57 Km²

População fonte IBGE: 5.025 hab. Censo 2010

Quantidade de logradouros: 23

Região Administrativa: 3

Crédito fotos: José Ademir

Mapa do bairro para download: Clique aqui

História

O Bairro do Canaã foi criado através lei municipal 4953 em 06 de janeiro de 2000. Altera a lei Nº 4.687/98, que dispõe sobre o perímetro urbano de Maceió, a divisão do município em regiões administrativas e inclui o abairramento da zona urbana e da outras providencias.


                                                             Campo Santo Parque das Flores

A Empresa
Inaugurado no dia 14 de novembro de 1973, o Campo Santo Parque das Flores é a idealização de um sonho do engenheiro Geraldo Sampaio, que, durante viagens para fora do País, começou a observar o conceito de cemitérios-parques – até então algo visionário para uma Maceió dos anos 1970. A ideia foi consolidada pelo também engenheiro Mario Fortes Melro, que estudou projetos arquitetônicos desses parques durante especialização que fez nos Estados Unidos. Juntos com George de Meira Arroxelas, iniciaram a construção que duraria dois anos. Passados 41 anos, o empreendimento que começou com 10 funcionários, conta, atualmente, com 80.

Infraestrutura
O Campo Santo Parque das Flores conta com uma capacidade para 14 mil jazigos e serviço 24 horas. No total, são mais de 12 mil terrenos vendidos e 16 mil pessoas sepultadas. Disponibilizamos também:
4 capelas com sala-de-estar;
Floricultura;
Lanchonete;
Estacionamento com capacidade para 1.200 veículos;
Atendimento 24 horas;
Irrigação automatizada;
Serviço mecanizado.


Fauna e Flora
Campo Santo Parque das Flores possui uma reserva de Mata Atlântica com uma variada quantidade de espécies, que vêm sendo catalogada por nossos profissionais. Trata-se de uma das maiores reservas de mata urbana de Alagoas. Além de árvores nativas, há espécies animais e pássaros como raposas, gaviões e sabiás, entre outros. Além disso, na própria área do Parque há uma grande variedade de árvores, entre eles Ipês (roxo, amarelo, branco e rosa) e a belíssima Palmeira Azul (Bismarckia Nobilis), planta originária de Madagascar que tem esse nome popular por sua inconfundível cor azulada:

Fonte: site parquedasflores-al.com.br  / Texto atualizado em 03/2014
 

Logradouros oficiais  

Rua   ÁGUA BRANCA
Trav STO. AMARO
Rua STO. AMARO
Rua   ANADIA
Rua STO. ANTONIO
Rua   CAMARAGIBE
Rua   CORURIPE
Rua SÃO FRANCISCO
Rua   GAZETA DE ALAGOAS
Rua   JEQUIÁ
Trav VER JORGE OMENA
Rua   JUNDIÁ
Rua   MARAGOGI
Rua   MARITUBA
Rua   PÃO DE AÇUCAR
Rua JORN. PEDRO COLLOR DE MELLO
Rua   PIAÇABUÇU
Rua   PIAUÍ
Rua   PORTO CALVO
Rua   SATUBA
Rua   TAQUARANA
Rua   TRAIPU

CANAÃ

O silêncio sagrado e o barulho profano,
vivem numa harmonia celestial.
O cemitério Parque das Flores é o pano
de fundo deste estranho varal.

O bairro cresce a olhos vistos.
O comércio já domina cada canto.
Deixando guardado o som das noites vivas,
onde damas (menor honradas) eram cantadas.

Todo o fresco da noite,
Foi um manto de candura,
que escondia homens desocupados.

Bairro criado nos idos de dois mil.
É forte. É soberano. De uma forma
ou de outra, guarda amores mil.

-Ari Lins Pedrosa - março 2014 

Bairros de Maceíó © 2002-2017

Curiosidade

Treze vezes vencedor do prêmio Notáveis da Cultura Alagoana - Prêmio ESPIA.

"Uma cidade que não tem memória é uma cidade sem alma. E a alma das cidades é sua própria razão de ser. É sua poesia, é seu encanto, é seu acervo. Quem nasce, quem mora, quem adota uma cidade para viver, precisa de história, das referências, dos recantos da cidade, para manter sua própria identidade, para afirmar sua individualidade, para fixar sua municipalidade." Extraído do livro Maceió 180 anos de história 5 de dezembro de 1995.

Top